Skip to content

Precisamos parar Belo Monte

21/04/2010

Me desculpem se ultimamente tenho construído textos e replicado nos blogs, mas é que tenho visualizado questões emergências, onde o esforço para atingir um número maior de pessoas é o que mais vale. Se quisermos fazer alguma coisa vamos precisar estar juntos para impedir os desastres que se anunciam.

A última questão, que tem me feito perder o sono e dado vontade de largar tudo para defender esta causa é a construção da Usina de Belo Monte, que se propõe sobre um dos nossos mais valiosos tesouros que é o Rio Xingú. Se construída a usina deverá desviar 80% do curso do rio o que deverá causar um enorme impacto ambiental e o deslocamento dos povos indígenas que estão na região antes mesmo dos europeus chegarem na terra.

O curioso da questão, é que apesar do alto impacto ambiental e principalmente social da obra, redes como a Globo tem falado pouco ou quase nada . Na internet é onde tenho encontrado mais informações, e já que ela está disponível, precisamos ajudar a espalhar a informação. Tem ferramentas fantásticas como o Google News:
news.google.com.br/news/search?pz=1&cf=all&ned=pt-BR_br&hl=pt-BR&q=belo+monte
e o Google Alerts: http://www.google.com/alerts que nos ajudam a receber a informação que selecionarmos , precisamos usar mais estes meios e ajudar a espalhar estas informações.

Fiz contato com o AVAAZ pedindo a eles que incorporem a causa, mas na atual conjuntura, todo esforço pode ser pouco para barrar esta obra que se promete como a maior obra do PAC e conseqüentemente o maior desrespeito aos povos que ali vivem e subsistem. É um desrepeito a cultura, ao modo de ser daqueles povos. Fechar os olhos para este problema é o mesmo que permitir que a “vontade do progresso” se afirme sobre qualquer outra vontade.

Vejam este pequeno documentário, que deveria ser exibido em horário nobre da rede de televisão e ajude a espalhar, conte pra sua familia, vizinhos, amigos. Mande por e-mail, msn, twitter, orkut, facebook e mais o que puder.

Precisamos nos unir, e ter consciência que a agressão que se dá ao nosso próximo sem que façamos nada é agressão que amanhã se dará a nós. Aqueles que são naturalmente violentos não tem respeito a ninguém, não espere que será poupado. O único caminho seguro para a paz e a sustentabilidade é respeito a todas as culturas e todos os povos.
Ajude a promover este respeito.

No comments yet

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s